POLÍTICA

Voltar

Senador Wellington já defende alianças com PT e PMDB para concorrer ao Governo do Estado

01:00 - 05/01/2017 por Redação

Um dos nomes cotados para concorrer ao governo do Estado nas eleições de 2018 pelo bloco de oposição, o senador Welington Fagundes (PR) defendeu a aliança do seu partido com o PT e PMDB.

A união foi construída nas eleições de 2010 quando o peemedebista Silval Barbosa foi eleito governador e Blairo Maggi senador pelos republicanos, enquanto em 2014 o bloco apoiou a candidatura derrotada do petista Lúdio Cabral ao governo do Estado.

“Nós temos uma união consolidada e devemos trabalhar ainda mais firme para agregar a outros partidos e assim ter maior densidade eleitoral e viabilizar o nosso projeto político”, disse.

Atualmente, PT e PMDB compõem a principal bancada oposicionista na Assembleia Legislativa com cinco deputados estaduais.

Ao defender a manutenção da aliança PR-PT-PMDB para as eleições de 2018, o senador Welington Fagundes avalia ainda que partidos da base da atual gestão estadual poderão se unir com a oposição diante do descontentamento com o governador Pedro Taques (PSDB).

“Naturalmente, estamos abertos ao diálogo e tenho a certeza que muitos partidos ainda virão dialogar conosco diante dos rumos da gestão estadual que tem atrapalhado e muito as bases nos municípios do interior”.

Questionado a respeito de uma candidatura ao governo do Estado nas eleições de 2018, Welinton Fagundes afirma que “está na chuva para se molhar” e ressalta que a saúde pública apresenta resultados insatisfatórios em municípios do interior.

“A realidade é muito distinta daquilo apresentado na propaganda oficial. Repasses financeiros em atraso e a dificuldade de se tocar obras como a recuperação do Hospital Central e manter paralisado R$ 70 milhões em conta que deveria ser aplicado no Júlio Muller reflete a gravidade da situação”. 

Voltar
mais populares
Anuncie aqui !